` Olivum faz parceria com instituições de caridade locais para alimentar famílias carentes - Olive Oil Times

Olivum se une à caridade local para alimentar famílias carentes

Pode. 1, 2020
Daniel Dawson

Notícias recentes

Em um esforço para mitigar a saúde e impactos econômicos da pandemia Covid-19 No sul de Portugal, a Associação do Azeite do Alentejo (Olivum) associou-se à Cáritas de Beja, uma ONG local, para ajudar a alimentar famílias carenciadas.

Com o aumento do desemprego na região sul de Portugal, a Cáritas de Beja começou a preparar e cozinhar milhares de refeições para distribuir por toda a província. A Olivum vai doar azeite à ONG para ajudar no preparo de refeições saudáveis.

Veja também: Actualizações Covid19

"Num momento difícil para algumas famílias carentes da região, os associados da Olivum quiseram contribuir de forma solidária e gratuita com o fruto do seu trabalho, distribuindo gratuitamente azeite que permitirá [à Cáritas de Beja] cozinhar cerca de 14,000 refeições ”, Gonçalo Almeida Simões, o diretor executivo da Olivum, Disse.

Na altura em que escrevo, o Alentejo teve 218 casos de Covid-19 e uma fatalidade. Globalmente, Portugal registou mais de 25,300 casos e pouco mais de 1,000 mortes.

Embora Portugal não tenha enfrentado o mesmo nível de crise de saúde pública que outros países da região, a sua economia não foi poupada.

Quase um em cada cinco trabalhadores portugueses foi despedido na sequência da pandemia. O desemprego disparou para 380,832, apenas 100,000 tímido dos níveis alcançados durante a crise financeira.

Além de ajudar a fornecer refeições para as famílias carentes, os membros da Olivum estão redirecionando seus equipamentos agrícolas para ajudar a higienizar os espaços públicos também.

Os olivicultores e produtores de petrazeite também foram considerados trabalhadores essenciais pelo governo e trabalharam durante toda a quarentena para manter a cadeia de fornecimento de alimentos em funcionamento.

"Desde o primeiro momento que a Olivum e os seus associados se deram conta dos efeitos sociais negativos que esta pandemia pode causar às populações mais carenciadas do Alentejo, firmamos uma parceria com a Cáritas ”, disse Pedro Lopes, presidente da Olivum.





Notícias relacionadas

Feedback / sugestões