` Tribunais de produtores de azeite de oliva da Andaluzia Mercado chinês em expansão - Olive Oil Times

Tribunais de Produtores de Azeite de Andaluzia Crescendo no Mercado Chinês

Agosto 12, 2010
Daniel Williams

Notícias recentes

De Daniel Williams
Olive Oil Times Contribuinte | Reportagem de Barcelona

Tribunais de Produtores de Azeite de Andalucían Expansão do Mercado Chinês na 2010 Expo de Xangai

Este ano, a Expo Mundial de Shanghai espera-se que atraia cerca de 70 milhões de visitantes da China e do exterior, e produtores de azeite de todas as partes do mundo estão enviando produtos aos tribunais de um mercado chinês cujas importações de azeite cresceram mais de 60% ao ano desde 2001.

Olivar de Segura, líder da indústria da Andaluzia, Espanha, a maior região produtora de azeite do mundo, participará da Expo como parte de uma missão internacional de marketing que busca dominar o emergente mercado asiático de azeite. A missão comercial da viagem, organizada pelo ministério andaluz de Turismo, Comércio e Esporte, é analisar as oportunidades de negócios no mercado chinês atualmente.

Olivar de Segura é uma cooperativa que se dedica à produção, comercialização e embalagem de azeite virgem extra com a Denominação de Origem Sierra de Segura. A empresa espera se destacar em uma competitiva campanha de marketing internacional que viu azeites de oliva vindos de todo o mundo.

Luciano Alonso

Luciano Alonso, conselheiro chefe do ministério andaluz, presidirá a visita que deve coincidir com uma semana temática andaluz na Expo. Alonso, junto com sua equipe ministerial, espera facilitar a introdução de marcas de azeite espanholas que ainda não penetraram no mercado chinês, além de consolidar a posição de marcas existentes que estão em forte concorrência com azeites da Grécia, Itália, Turquia, Tunísia, Portugal, Jordânia e Austrália.

Durante a 2009, a região da Andaluzia foi o principal exportador de azeite da Espanha para a China, com exportações agrícolas e de alimentos no valor de cerca de um milhão de euros. Somente de janeiro a abril deste ano, as exportações da Andaluzia saltaram mais um% de 31.5.

Notícias relacionadas

Feedback / sugestões